Casamento sustentável

Veja 9 dicas para ter um casamento sustentável

Publicado em Planejamento do casamento 27/01/2020 às 3:30
Foto: Pixabay

Ter um pensamento”verde”, ou seja, de forma sustentável, já não é um luxo reservado apenas para ativistas. Ter consciência ambiental é uma urgência atualmente, e se vocês estão na fase de preparação para o tão sonhado “sim”, saibam que é perfeitamente possível planejar uma cerimônia em que desde os itens da decoração do casamento até os pratos servidos pelo buffet passem por um filtro responsável e ecológico.

Todos os detalhes podem ser adaptados a escolhas sustentáveis, convites de casamento, a comida que será servida, as bebidas e muitos detalhes da decoração. Para que vocês consigam produzir um enlace como sempre sonharam, mas que preze, em primeiro lugar, pela sustentabilidade, separamos algumas dicas, que ainda irão evitar desperdícios. 

1. Escolha das flores e arranjos

Em um país com uma flora tão rica em espécies como o Brasil, é possível escolher inúmeras flores para o casamento que não sejam um gasto tão desnecessário. Aqui a principal dica é que selecionem apenas flores típicas da região onde vivem e que sejam da própria estação, e podem mesclá-las com algumas folhagens, também locais. Dessa maneira estão garantindo que uma espécie não será retirada do seu “habitat” natural, e que não precisarão gastar mais água ou produtos adptados para que elas sobrevivam depois.

Optem também por vasos com flores e arranjos plantados, assim evitarão que morram, e elas poderão ser reutilizadas, fazendo parte da decorração da sua casa futuramente. Para as flores “soltas”, que não serão plantadas, a recomendação é que sejam doadas. Muitas instituições de caridade as aceitam, e vocês ainda podem presentear os convidados ou deixá-las disponíveis para demais casamentos, assim irão prolongar a sua vida, e alegrar outras pessoas!

LEIA MAIS: Saiba os cuidados que são necessários para usar o vestido de noiva

Kit emergência de casamento: saiba como montar

2. Objetos decorativos

A palavra de ordem é reutilizar! Tudo pode ser transformado. Um caixote de frutas pode virar uma estante charmosa, garrafinhas de vidro podem se tornar vasinhos, e assim é possível economizar e criar um ambiente aconchegante e moderno, já que uma decoração de casamento rústica é uma tendência que só se reafirma, com móveis de madeira de demolição e até objetos pessoais expostos. É sempre possível recorrer a objetos produzidos de forma artesanal, personalizados pelo próprio casal, com técnicas DIY (faça você mesmo) com itens reciclados, autênticos e divertidos. 

3. Iluminação

Um casamento noturno tem uma beleza indescritível, mas os casais descobriram o estilo bohemian chic, e casar-se durante o dia, ao ar livre, além de ser uma alternativa maravilhosa, com direito a fotos da decoração do casamento impecáveis, é também uma opção muito mais econômica. Casamentos diurnos reduzem muito o consumo de energia.

Mesmo assim, se não abrem mão de ter una celebração noturna, também podem optar por uma iluminação sustentável, utilizando velas, algo que tornará o espaço encantador. Se esse for o caso, é aconselhável optar por velas de cera de abelha ou soja para potencializar ainda mais o seu objetivo ecológico, já que elas não emitem toxinas e duram 50% mais que as de parafina.

4. Convites

Hoje em dia também existe um papel reciclado confeccionado com a adição de algumas sementes na sua própria produção. Sendo assim, vocês podem confeccionar um convite que, literalmente, virará uma planta, e também podem recortar o papel no formato que quiserem, produzir cartões de agradecimento para os amigos e familiares. Os convidados ficarão encantados com esse conceito: plantar o convite, dando origem a uma flor! Além de diminuir resíduos, será um verdadeiro acontecimento!

Foto: Pixabay

5. Beleza nupcial

Maquiagem é um tema bastante delicado. Os produtos orgânicos e sustentáveis costumam ser mais caros, mas é preciso ter em mente que não causam dano nem ao meio ambiente e nem à sua pele, além de não terem sido testados em animais. Perguntem aos profissionais que cuidarão da maquiagem no dia, e tenham certeza de que seus produtos levam o selo ecológico e sustentável.

6. O buffet

Para que o seu casamento seja realmente sustentável, as escolhas gastronômicas são de extrema importância, e é fundamental evitar desperdícios de comida. Repassem o número de convidados com precisão ao buffet, para que se planejem bem. Quanto aos ingredientes servidos, prefiram sempre os alimentos orgânicos. E busquem saber se os fornecedores utilizam recursos ecológicos, se utilizam materiais recicláveis,  se há reaproveitamento das sobras, e se descartam os resíduos de forma sustentável.

Sabemos que nem todas as pessoas levam uma dieta vegetariana ou vegana, mas diminuir a quantidade de carne consumida também é uma atitude que só traz vantagens para o meio ambiente, há dados comprovadíssimos, então tentem investir em pratos diferentes, experimentem a cozinha vegetariana e/ou vegana sem preconceitos!

7. As bebidas  

Neste item o mais importante é que vocês cortem um elemento do dia do seu casamento: o plástico! Isso vale especialmente para os copos e canudinhos. Escolham as garrafas de vidro, que são retornáveis, e peçam para que todas as bebidas sejam servidas em copos de vidro, e que o bar disponibilize canudos de metal ou papel.

8. Lembrancinhas

Muitos casais têm investido em lembrancinhas naturais, como vasinhos com suculentas, um mimo charmoso e que a maioria dos convidados adora. Mas existem outras opções. Vocês podem investir em ecobags personalizadas, que depois vão servir como sacola de compras, por exemplo, ou ir além e presentear os seus convidados com um lembrancinha de casamento diferente: sementes de plantas ou flores para plantarem. É recomendável que sejam sementes de espécies pequenas, que possam caber e serem cultivadas em distintos locais.

9. Cuidem do lixo

O volume de lixo gerado em uma festa é enorme, e é possível ter alguns cuidados para poder contribuir de forma sustentável também neste detalhe. Certifiquem-se de que o buffet contratado separa o lixo, e em toda a área do evento lembrem-se de colocar coletores seletivos, para cada tipo de material descartado, orgânico, seco, reciclável. No final também é recomendável que doem os recicláveis, como as latas, para centros comunitários e cooperativas, garantindo que tudo tenha um destino adequado. 

Compartilhe
Publicado por
Vem Casar Comigo

Comentários