Docinho de casamento

Bem casado: Saiba como surgiu o docinho mais icônico do casamento

Publicado em Curiosidades 28/11/2019 às 3:25
Foto: Pixabay

O doce que tem mais de 100 anos e que representa o amor e a união, além do sabor é significativo na histórias de casamentos. Há relatos que ele surgiu em Portugal derivados dos “Casadinhos portugueses”, contudo há relatos de terem surgido na Espanha ou até mesmo na África do Sul.

Segundo a tradição os noivos precisam entregar a cada convidado um bem cada. Representa duas partes unidas que são seladas. Cada convidado que saborear o doce será abençoado com sorte e felicidade assim como os noivos.

LEIA MAIS: Convite Ideal: Saiba como encontrar o convite do seu casamento

Os bem casados são confeccionados de maneira artesanal, com uma textura leve e macia e geralmente são recheados de doce de leite. A embalagem chama atenção pela delicadeza. Para fazer um calculo certo é necessário saber como eles serão distribuídos.

Se a mesa for decorada com os doces e for de livre acesso aos convidados recomenda-se de 2 a 3 unidades por pessoa. Se houver alguma pessoa entregando na saída da festa o ideal são duas unidades por pessoa. Caso ele seja entregue como lembrancinhas é necessário encomendar dois por pessoa e caso for colocado ao lado do prato em cada mesa, o certo seria um para cada. O mais importante é que esse doce jamais falte nesse momento tão especial.

Compartilhe
Publicado por
Vem Casar Comigo

Comentários