Intensivão

publicidade
17/nov
Ministro da Educação quer ter acesso ao Enem antes das provas

Saiba a diferença entre o Enem impresso e o Enem digital

Publicado por Antônio em ENEM às 10:02

Disponível desde a edição 2020 o Enem no formato digital, que é realizado pelo computador, acaba deixando os participantes com muitas dúvidas. Neste ano, as duas versões do Enem serão realizadas na mesma data, nos dias 21 e 28 de novembro.
De acordo com o Inep, as provas terão as mesmas questões e o mesmo tema de redação. Mas, afinal, o que muda entre as impressa e digital do Enem?
Limite de vagas
Diferente do Enem impresso, o formato digital tem um limite de vagas. Neste ano, foram disponibilizadas 101.100 vagas para a prova no computador, distribuídas pelo Inep entre 99 municípios brasileiros. Além disso, apenas os participantes que já concluíram o ensino médio ou estão concluindo em 2021 podem fazer, ao contrário do formato tradicional que permite os treineiros.

Questões objetivas e redação

Os candidatos da versão digital terão a mesma estrutura, com 45 questões objetivas para cada uma das quatro áreas de conhecimento avaliadas e a prova de redação. Em vez de resolver a prova no papel, os candidatos devem ler e responder às questões e o gabarito diretamente no computador. Já a prova de redação no Enem digital permanece sendo realizada no papel, nos mesmos moldes de aplicação e correção da versão impressa do exame.

Tempo de prova

O tempo de prova será o mesmo para as duas versões do Enem. Apesar de a prova ser feita no computador, não é possível realizar o exame de casa. Todos os candidatos que se inscreveram para a modalidade digital devem se deslocar até os locais de aplicação do Enem, assim como acontece na modalidade em papel.

Recursos de acessibilidade

A versão digital do Enem terá recursos de acessibilidade para a realização do exame, assim como já acontecia no formato impresso.

Uso da nota

Não há diferenças no uso do desempenho obtido pelos candidatos que fizeram o Enem impresso ou o Enem digital.