Intensivão

publicidade
05/ago
Como montar uma rotina de estudos para o Enem

Como montar uma rotina de estudos para o Enem?

Publicado por Tailane Paulino em DICAS às 16:35

Ao começar a se preparar para fazer o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) é bem normal ficar meio perdido sobre o que e como estudar. Afinal, a prova aborda conteúdo de disciplinas vistas durante os três anos de Ensino Médio. Ou seja, bastante coisa.

Uma solução para garantir que você terá tempo para ver tudo é montar uma rotina de estudos, que nada mais é do que um planejamento do que fazer nos meses que antecedem o exame.

Ficou curioso? Então continua lendo, pois nós do Intensivão explicamos exatamente o que é isso, qual a importância e ainda trouxemos 6 dicas de como montar uma rotina de estudos para o Enem própria e eficaz. Confira!

Afinal, o que é uma rotina de estudos?

Uma rotina – cronograma ou plano – de estudos é basicamente uma maneira de organizar o processo de aprendizado. Ela serve para otimizar o tempo disponível e organizar todo o conteúdo que deve ser estudado, de uma maneira que se encaixe no dia a dia da pessoa.

Cada plano de estudos precisa ser individual, já que precisa levar em conta os pontos fortes e fracos e ainda a rotina de cada estudante, entre outras coisas.

7 dicas práticas para montar uma rotina de estudos

Ficou com vontade de montar uma rotina de estudos para o Enem, mas não sabe por onde começar? A boa notícia para você é que não é tão complicado assim montar um. Quer aprender, então confira a seguir as 6 dicas para criar um cronograma de estudos eficaz.

1. Conheça o seu dia a dia

O primeiro passo para montar uma rotina de estudos é conhecer bem como é o seu dia a dia, já que, como mencionamos, cada cronograma é individual. Para fazer isso, anote todos os seus horários.

Escola, trabalho e o tempo que terá disponível diariamente para se dedicar aos estudos. Dessa maneira será possível seguir com as outras etapas sem problemas.

2. Estabeleça horários para estudar

Ao conhecer a sua rotina você vai descobrir quais os horários que terá para se dedicar exclusivamente aos estudos. Não existe uma regra que diga a quantidade de horas que o estudante precisa ter, tudo depende do tempo disponível de cada um.

Mas o ideal é que seja em um horário em que você não esteja muito cansado, para não ter problemas de concentração, ou vá ser interrompido com frequência. Uma vez que você estabelecer isso, não faça desvio. Cumpra com os horários todos os dias.

3. Estabeleça metas claras

Um erro que muitos estudantes cometem ao montar uma rotina de estudos para o Enem é esquecer de estabelecer metas, ou ainda estabelecer metas inalcançáveis.

Mas o que é isso? Bem, as metas podem ser entendidas como objetivos menores que auxiliam no principal, que pode ser conseguir uma boa pontuação no Enem. Por exemplo, entender os fundamentos de certa disciplina ou responder corretamente um simulado.

Fazer isso pode servir tanto para medir o progresso quanto para manter a animação em seguir o cronograma.

4. Mantenha a organização

Se manter organizado, tanto na questão dos horários quanto no conteúdo a ser revisado, é outra coisa essencial para garantir o sucesso do cronograma de estudos.

Uma dica para fazer isso é separar os assuntos por área de conhecimento, assim como acontece na prova e definir o que irá estudar de cada um. Feito isso, separe os que você tem mais dificuldade e reserve um tempo maior para se dedicar a eles.

Porém, não abra mão de revisar os assuntos que você já tem mais facilidade, viu? É importante que a rotina de estudos contenha todas as disciplinas que são abordadas no Enem, assim você não corre o risco de deixar nada de fora.

5. Pratique bastante

De nada adianta estudar horas a fio diariamente e não colocar as habilidades adquiridas em prática. Por esse motivo, sempre reserve um espaço do seu plano de estudos para praticar.

Hoje em dia é possível encontrar simulados, questões de provas antigas, do Enem e de vestibulares, que podem ser utilizadas para treinar. Isso também vai ajudar a avaliar a eficácia do método utilizado, se ele está dando frutos ou se precisa ser ajustado.

6. Não esqueça que descansar é importante

Por fim, mas não menos importante, é preciso reservar um espaço da rotina de estudos para o Enem para descansar. Não esqueça de dormir uma quantidade de horas o suficiente todas as noites e também de separar um tempo para lazer.

Ler um livro que não seja relacionado com as disciplinas ou sair com os amigos são exemplos de coisas que não devem ser negligenciadas, mesmo durante esse período de preparação.

Por que montar fazer isso é importante?

Estabelecer uma rotina de estudos é importante pois, como mencionamos, ajuda a otimizar o tempo disponível para estudar e isso acaba incluindo o tempo livre para relaxar. Por fim, um plano bem estipulado também estimula o foco, pois o estudante vai se acostumar a fazer aquilo todos os dias.